Azevias de abóbora e laranja

[span6]

 

 

 

[text_justify] [font_bold]Dificuldade – Fácil[/font_bold][/text_justify]

[text_justify] [font_bold] Tempo – Médio[/font_bold][/text_justify]

 

 

 

[/span6]

[label style=”3″]Ingredientes:[/label]

Massa

[list style=”2″ underline=”3″]

  • 60 gr de creme vegetal
  • 30 gr de azeite
  • 150 ml de água
  • 420 gr de farinha (peneirada)
  • 30 gr de sal fino

[/list]

 

Recheio / Compota de Abóbora e Laranja

[list style=”2″ underline=”3″]

  • 600 gr de abóbora Bolina
  • 250 gr de açúcar
  • Sumo de 1 laranja grande
  • Estes da casca de 1 limão
  • 1 pau de canela

[/list]

[divider_double]

[label style=”2″]Modo de preparação[/label]

 

Massa

Colocar o creme vegetal e o azeite num tacho em lume brando e deixar que fique totalmente liquido.

Dispor a farinha, com o sal já misturado, em cima da bancada em forma de vulcão com abertura ao meio.

Juntar o creme vegetal e o azeite ao centro e começar a envolver.

Adicionar a água e amassar vigorosamente até se obter uma massa homogénea e despegada.

Reservar e deixar repousar durante duas horas.

 

Recheio / Compota de Abóbora e Laranja

Descascar a abóbora e cortar em cubos pequenos.

Juntar todos os ingredientes num tacho, em lume baixo, e deixar cozer abóbora. Mexendo, sempre, várias vezes. Deixar em lume mínimo aproximadamente hora e meia até que a abóbora esteja totalmente desfeita.

Retirar o pau de canela e triturar bem na varinha mágica ou na Bimby.

Levar novamente ao lume mínimo / brando para apurar e até obter a consistência pretendida.

 

Massa (2)

Numa bancada polvilhada com farinha, estender a massa com um rolo da massa.

Cortar a massa em quadrado e colocar uma colher de chá de compota no centro. Juntar as extremidades do quadrado e calcar com um garfo para garantir que o doce não saia. Quando mais fina for a massa, mais estaladiça vai ficar a azevia.

Fritar em óleo quente até ficarem com a cor pretendida, escorrer o óleo em papel absorvente e envolver em açúcar e canela se desejado.

 

O que sobrar do doce de abóbora e laranja pode ser guardado em frasco de vidro ou numa taça para ser utilizado como compota ou até como acompanhamento de algum prato.

 

[divider_double]

João Ferrão

Ao fim de 20 anos de carreira profissional ligada à área comercial, sentiu a necessidade de mudar de rumo profissional e investir na área pela qual sempre sentiu uma enorme paixão. Foi assim que em 2012 integrou o 1º Atelier Fausto Airoldi na ACPP – Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal. No final deste curso de formação profissional, reconhecido pela WACS – World Association of Chefs Societies, realizou um estágio profissional no Altis Belém Hotel & Spa, sob a coordenação do Chef Cordeiro e Chef João Rodrigues, altura em que confirmou o seu gosto por esta profissão. No início de 2013, após uma rápida passagem pelo Restaurante Laurentina, em Lisboa, foi convidado para se juntar à equipa do Hotel Altis Avenida, coordenada pelo Chef João Correia, local onde se encontra a trabalhar desde então.