No restaurante

conversas na gandarinha 2

Comunicação é a palavra chave para garantir uma refeição segura num restaurante.

É importante por isso que não tenha problemas em discutir as suas alergias ou intolerâncias quando chega ao restaurante (desde que o faça, naturalmente, respeitando o pessoal do restaurante e percebendo que podem nunca ter sido consciencializados para as questões relacionadas com alergias e intolerâncias alimentares).

Os conselhos que se seguem podem ajudá-lo a efetuar o seu pedido e a comunicar as suas necessidades,  permitindo uma refeição agradável e segura:

  • Se anteriormente falou com o restaurante sobre as suas alergias ou intolerâncias, confirme à chegada que essa informação consta da sua reserva. Se constar, trata-se de um bom sinal de que a informação foi transmitida à restante equipa.
  • Ao chegar ao seu lugar, verifique se a mesa e o seu lugar se encontram limpos, pois tal é importante quer para evitar reações alérgicas por mero contato, quer contaminações.Se não estiverem, peça para limpar ou limpe com toalhetes (algo que pode ter sempre consigo, pois pode ser útil em qualquer circunstância para limpar superfícies sujas)
  • Fale com todos: o gerente do restaurante e o restante pessoal devem saber (ou ser relembrados, caso tenha ligado anteriormente) das suas alergias ou intolerâncias. Fale sempre com o gerente ou com o chef, de modo a assegurar que a informação chega à cozinha.
  • Quando falar com o gerente, e se tiver combinado previamente com o restaurante o prato que vai comer, entregue o cartão onde descreveu esse prato. Deve igualmente entregar o seu cartão com as listas de alergias ou intolerâncias para que seja entregue ao chef.
  • Se o gerente mostrar disponibilidade, discuta com ele em pormenor o seu pedido, e peça-lhe para se ocupar pessoalmente do seu prato, de modo a evitar erros.
  • Pergunte também (sobretudo se não entrou em contato com o restaurante previamente), ao gerente ou a outro membro do pessoal que demonstre ter conhecimentos sobre esta matéria, quais as medidas que tomam para servir pessoas com alergias e intolerâncias alimentares, quais os pratos no menu que não pode comer dadas as suas alergias ou intolerâncias específicas, como são transmitidas à cozinha as suas necessidades, como é que a cozinha se organiza para evitar contaminações, se utilizam utensílios específicos para preparar a sua refeição, que óleo alimentar usam e se foi utilizado para outros pratos ou se pode verificar a lista de ingredientes de determinado prato (pode saber sobre estas questões aqui). Caso tenha entrado em contato com o restaurante previamente, confirme as informações que então lhe deram.
  • Pergunte sobre os ingredientes utilizados no seu prato e sobre o modo como é preparado. Certifique-se que o seu empregado de mesa compreenda aquilo a que é alérgico, e explique os perigos da contaminação e como pode ser evitada.
  • Nunca se sinta envergonhado ou embaraçado se sentir que não está a conseguir fazer passar a sua mensagem. Se não tiver certeza que o seu emprega de mesa percebeu a sua situação, tente falar com outro empregado ou com o gerente.

    • Opte por pratos mais simples. Se tiver que fazer muitas perguntas sobre os ingredientes num prato, pode ser mais seguro optar por um prato com menos ingredientes e mais fácil de executar.
    • Evite comida frita, pois o óleo utilizado para fritar pode ter servido para fritar outros alimentos, e é portanto uma área onde pode facilmente contaminação. Só deve comer algum tipo de comida frita se estiver absolutamente certo que é preparada de forma segura.
    • Tenha especial atenção às sobremesas, pois são muitas vezes uma fonte de alergénios escondidos. Por outro lado, o facto de muitas vezes o restaurante não ser o responsável pela sobremesas, tendo fornecedores para as mesmas, leva a que os funcionários do restaurante possam não ser capaz de lhe fornecer a lista completa de ingredientes. Aqui, mais uma vez, e em caso de dúvida, deve optar por não comer a sobremesa no restaurante.
  • A sua comida deve ser preparada e servida no prato totalmente na cozinha, e não pelos empregados da sala (por exemplo servir a sopa ou salada), pois a sala é uma área muito movimentada, com os empregados a terem de preparar diversos pedidos ao mesmo tempo, o que aumenta o risco de contaminação, por exemplo, pela troca involuntária dos utensílios utilizados para servir diferentes comidas.
  • Certifique-se que a pessoa que serve o seu prato é alguém com quem falou sobre as suas alergias ou intolerâncias (o seu empregado de mesa, o gerente ou o chef). Se não for, tal deve ser visto como um alerta e pode perguntar ao gerente para confirmar que aquele é efetivamente o seu prato e que não foi trocado.
  • Verifique também o modo como o prato é levado até à sua mesa. Levar vários pratos ao mesmo tempo, muito próximos uns dos outros, pode levar a contaminações.
  • Quando o seu prato chegar, confirme ainda o seu pedido, solicitando que voltem a referir os ingredientes e as técnicas utilizados. Verifique depois o prato, por exemplo, que não há acompanhamentos de que não tinha sido informado ou que parece cozinhado do modo correto. Em caso de dúvida, faça as perguntas que entender necessárias, e não se esqueça que se não estiver seguro da sua refeição, é sempre preferível não comer do que arriscar.
  • Não se esqueça que em caso de dúvida sobre a sua refeição ou sobre a capacidade do restaurante assegurar as suas necessidades, não deve comer no restaurante, e que pode sempre ir comer a outro restaurante ou pode apenas desfrutar da companhia das pessoas que o acompanham e só comer mais tarde, num local que saiba ser seguro.
  • Se teve uma boa experiência, informe os funcionários do restaurante disso e volte a esse restaurante, pois estará não só a premiar um serviço que se adaptou à sua situação, como estará a estabelecer uma relação mais duradoura com um restaurante que sabe que assegura as suas necessidades.

 

Partilhe connosco outros conselhos que tenha, utilizando os comentários desta página!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pesquisa

Destaques

Redes Sociais

LinkedIn Pinterest

FB Like Box